plastico abs caracteristicas

Plástico ABS: o que é, tipos e características

O plástico ABS constitui-se como membro da família dos termoplásticos, sendo assim, possui características como dureza e flexibilidade.

O que é plástico ABS?

O plástico ABS é uma resina termoplástica, ou seja, um material de valor térmico, oriunda do petróleo. Usado para formar objetos dos mais diferentes tipos, acaba por ser viável a indústria, possuindo alto valor mercadológico (resulta em valor baixo para o cliente, facilitando o diálogo com o mercado).

O plástico ABS é formado pela “junção”, vamos assim dizer, de três monômeros:

  • Acrilonitrila (monômero sintético produzido a partir do hidrocarbonato propileno e amoníaco);
  • Butadieno (alceno obtido a partir da desidrogenação do butano);
  • Estireno (produzido a partir da desidrogenação do etilbenzeno).

Cada monômero possui suas propriedades, tornando possível a produção de tipos diferentes de ABS, variando, desta forma, suas possibilidades de uso, sendo aplicados de variadas formas, em diferentes segmentos, não apenas revitalizando a indústria, mas oferecendo ao consumidor uma gama de opções de qualidade (falando aqui, em suma, de flexibilidade e resistência).

Apesar de não ser um material de poucas características, ou melhor, de poucas qualidades, o ABS, ainda assim, é muito usado na indústria por ser economicamente viável (preço relativamente baixo, coisa que que tende a baixar ainda mais com a competitividade entre empresas), leve e fácil de moldar.

plastico abs caracteristicas

Detém propriedades específicas que podem ser sentidas pelo consumidor, ainda que não conheça os aspectos técnicos do produto, como boa resistência à impacto, à tração, etc. Comparado a outros materiais, principalmente ao plástico convencional, o plástico ABS apresenta certa resistência ao calor (termoplástico) e às baixas temperaturas. Além disso, cabe ressaltar, também funciona como uma espécie de isolante elétrico.

Com excelente aspecto visual, coisa que acaba por agregar valor mercadológico por si só, o plástico ABS pode ser metalizado e altamente pigmentado (resultando em cores vívidas e saturadas), resultando em produtos com ótimo acabamento.

Plástico ABS é tóxico?

Como todo produto, algumas desvantagens podem ser notadas tecnicamente, ainda que o indivíduo-consumidor possa não perceber, pois apesar de ser um material relativamente resistente à variação de temperatura, o uso do ABS como item anti-inflamável pode resultar em efeitos desagradáveis oriundos dos compostos de bromo. Tais compostos dão origem a produtos de decomposição, ou seja, produtos tóxicos que resultam em perda para o ambiente e, talvez, para o organismo humano.

Levando tal problemática em consideração, a dificuldade de encontrar retardantes ou meios de retardar os efeitos desagradáveis ainda não foi solucionada com afinco, visto que o mercado acabou por misturar o plástico ABS com PVC. Tais misturas acabam por dificultar a qualidade de processamento e também prejudicando a reciclagem. Tal mistura também resultou, em muitos casos, em um material diverso daquele prometido no início, alterando a composição do ABS.

Fora da exposição demasiada a temperaturas elevadas, deixando-o exposto apenas a uma temperatura ambiente, considera-se que o plástico ABS praticamente não traz riscos à saúde, pois, desta forma, não ocorre degradação em sua estrutura, ou seja, não ocorrem rupturas na cadeia polimérica (cabe ressaltar novamente o fator antitérmico do produto, contudo, o mesmo possui uma queda em sua qualidade se exposto por muito tempo a temperaturas elevadas).

fio plastico abs

Cabe falar também da presença dos monômeros residuais, produtos auxiliares e resinas que podem ser perigosas se inaladas ou em contato com a pele, detendo em seu bojo alguns componentes com potencial de causar câncer. Esse problema é ainda maior para os trabalhadores e trabalhadoras da indústria do plástico.

Durante as etapas de melhoramento das peças de ABS são ainda empregadas soluções sulfocrômicas, o que pode resultar em uma geração de efluentes altamente tóxicos e poluentes.

Características e vantagens

Sobre as características do plástico ABS, pode-se falar da sua alta resistência ao impacto, estabilidade química, boas propriedades elétricas, etc. O plástico ABS também possui alta resistência ao calor, nível transparente e boa flexibilidade.

Tal material plástico possui um melhor desempenho de tingimento do que outros materiais similares, podendo ser rapidamente manchado. Também se mostra como um material muito resistente, embora reúna sobre si características como a da boa flexibilidade, síntese esta amplamente utilizada pela indústria como marketing.

Plástico ABS é resistente?

Possui alta resistência ao impacto, além de resistência ao calor.

Como descartar plástico ABS

Em um mundo onde a variedade de produtos é imensa (coisa que acarreta no materialismo crescente de nossa época), nesses nossos dias atuais nos depararmos com ruas cheias de lixo, esgotos entupidos, enfim, com resíduos plásticos descartados de forma inadequada no meio ambiente. O resultado disso, é a proliferação de cenários degradantes, impactando negativamente a paisagem dos centros urbanos como dos ambientes naturais.

abs

Termoplástico é o principal plásticos encontrado no mercado. Pode ser fundido e diversificado sem maiores problemas em consequência da sua estrutura macromolecular linear. É o polímero mais utilizado na indústria da reciclagem dos plásticos. No entanto, verdade seja dita, é o mais encontrado no meio ambiente, descartado de forma inapropriada.

Deve-se, no entanto, conhecer cada um destes plásticos para que a forma adequada para seu descarte seja levada em consideração.

O plástico ABS, ou melhor, os produtos termoplásticos reciclados não podem ser empregados ou reformulados em outros determinados produtos, por exemplo, em embalagens de alimentos, pois deve-se ter o cuidado em se evitar contaminações provenientes de tintas e produtos tóxicos.

Contudo, o plástico ABS poderia voltar na forma de baldes, mangueiras, sacos de lixo e outras modalidades, acarretando assim não na perda do material original, mas na transformação do mesmo, sanando parte do desgaste para com o meio ambiente.